12 DE NOVEMBRO | |

Rio Branco, AC

Giro Acreano no Facebook Giro Acreano no Twitter Giro Acreano no Google Plus Fale conosco
Publicado em 29/07/2016 - 23:31

Justiça condena membros de facção a mais de 30 anos por roubo no Acre

Trio é acusado de roubo de caminhonete em Brasileia, interior do Acre.
Decisão é da Vara Criminal local e foi publicada no TJ-AC.

facção

Três homens foram condenados a penas que somadas dão mais de 30 anos de prisão por roubo de uma caminhonete em 2015. A decisão é da Vara Criminal da Comarca de Brasileia e foi pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC) nesta sexta-feira (29). Ainda segundo o TJ-AC, os três são membros de uma organização criminosa.

A Justiça explica que os três acusados roubaram o veículo na cidade de Brasileia, interior do Acre. Além do roubo, os criminosos foram condenados também por corrupção de menores, já que houve participação de adolescentes no crime.

No dia do crime, segundo o TJ-AC, um dos acusados foi até um bar para tentar roubar duas caminhonetes, porém, umas das vítimas se recusou a entregar o veículo, mesmo com uma arma apontada para ela.

O dono do carro teria sido agredido com uma coronhada na cabeça. Sem sucesso no plano, o grupo fugiu levando apenas uma das caminhonetes.

Os outros dois criminosos, segundo a Justiça, teriam comprado a arma e planejado como seria o crime. Ao todo, o trio foi condenado a 37 anos em regime fechado e semi aberto.

O juiz de direito Clóvis Lodi, que assinou a decisão, enfatizou que o trio compõe uma facção perigosa – atuante tanto na capital do estado como também no interior –  envolvida com tráfico de drogas, roubo de caminhonete, corrupção de menores e até homicídios.

Com informações,
G1 Acre


Veja também

Deixe seu comentário