19 DE AGOSTO | |

Rio Branco, AC

Giro Acreano no Facebook Giro Acreano no Twitter Giro Acreano no Google Plus Fale conosco
Publicado em 03/11/2016 - 21:27

Acusados de aterrorizar moradores na Boca do Iaco são presos pela PM

OS cinco presos foram trazidos inicialmente para a Delegacia de Sena Madureira e serão transferidos posteriormente para Boca do Acre.

bocadoiacosenamadureira

Policiais Militares da cidade de Boca do Acre (AM), com o apoio do 8º Batalhão da PM de Sena Madureira realizaram na passagem de ontem para hoje a detenção de cinco pessoas na comunidade Boca do Iaco. A ofensiva ocorreu durante à noite em resposta ao clamor dos moradores que estavam vivendo num clima de insegurança.

Os ribeirinhos denunciaram recentemente, por meio da imprensa, uma onda de furtos, arrombamentos e até mesmo assaltos praticados na comunidade rural. Além disso, muitos motores de embarcações estavam sendo surrupiados. O mais agravante foi a suspensão das aulas na Escola Municipal José Manoel dos Santos, motivada pela violência no local. Seis turmas ficaram sem aulas nesses últimos dias.

O Tenente Miqueias, da Polícia Militar de Boca do Acre, disse que os presos serão levados para a Delegacia de Boca do Acre, com possibilidade de serem transferidos para Manaus. “O objetivo dessa operação foi estreitar as relações com a PM do Acre. Além disso, atendemos solicitações dos próprios moradores que denunciaram a onda de crimes, inclusive o fechamento da escola. Todos os presos serão levados para Boca do Acre e ficarão à disposição da justiça do Amazonas”, comentou.

De acordo com o Capitão Casagrande, comandante da PM de Sena Madureira, esse trabalho será intensificado naquela região. “A PM de Sena Madureira já atua nessa região, mas por questões geográficas tem suas limitações já que a Boca do Iaco pertence ao Amazonas. A população, no entanto, não quer saber se a Polícia é do Acre ou do Amazonas, quer na verdade, uma resposta e vamos estabelecer essa parceria para ampliar ações nesse sentido”, frisou.

A comunidade Boca do Iaco fica bem próxima à Sena Madureira, via ramal, e os moradores vinham passando por essas dificuldades em face de não existir um posto fixo de policiamento no local.

OS cinco presos foram trazidos inicialmente para a Delegacia de Sena Madureira e serão transferidos posteriormente para Boca do Acre.

SenaOnline


Veja também

Deixe seu comentário